Ministério do Desenvolvimento Social divulga pagamentos do Bolsa Família para junho

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) anunciou as datas e os valores dos pagamentos do Bolsa Família para o mês de junho. Esta antecipação de informações permite que os beneficiários, mais de 21 milhões de famílias, possam se planejar melhor.

Padrão de pagamentos

Os pagamentos seguirão o mesmo padrão dos meses anteriores, sendo realizados nos últimos dez dias úteis do mês, conforme o último dígito do Número de Inscrição Social (NIS) de cada beneficiário.

Valores do Bolsa Família

Os valores do Bolsa Família variam conforme o tamanho da família. Para famílias com cinco ou mais membros, o valor base começa em R$ 142 por pessoa. Já para famílias menores, com até quatro membros, o valor inicial é de R$ 600 por família.

Além desses valores iniciais, são adicionados benefícios extras que aumentam o montante total recebido pela família. Por exemplo, há um acréscimo de R$ 50 para cada mulher gestante. Também são adicionados R$ 50 para mães com bebês com menos de seis meses de idade, R$ 50 para cada criança ou jovem entre sete e dezoito anos, e R$ 150 para cada criança com menos de seis anos.

PIS 2024 - COMO CONSULTAR E SACAR

SAIBA AGORA →

*Você será redirecionado a outro site

Calendário de pagamentos do Bolsa Família para junho

Veja a seguir o calendário completo dos pagamentos do programa para o próximo mês!

Calendário de pagamentos do Bolsa Família para junho tem boas notícias: 2 antecipações

A ordem de liberação do pagamento do Bolsa Família começa pelo NIS final 1 e termina com o NIS final 0. Veja o calendário completo a seguir:

  • NIS final 1: 17 de junho (antecipação para famílias em municípios em situação de calamidade)
  • NIS final 2: 18 de junho
  • NIS final 3: 19 de junho
  • NIS final 4: 20 de junho
  • NIS final 5: 21 de junho
  • NIS final 6: 24 de junho (antecipado para sábado, 22 de junho)
  • NIS final 7: 25 de junho
  • NIS final 8: 26 de junho
  • NIS final 9: 27 de junho
  • NIS final 0: 28 de junho

Quem tem direito ao Bolsa Família e como se cadastrar

Para se qualificar para o Bolsa Família, as famílias devem atender aos critérios de renda determinados pelo Ministério da Cidadania. São elegíveis aquelas que vivem em situação de pobreza ou extrema pobreza, com uma renda mensal máxima de R$ 218 por pessoa. Além disso, é obrigatório que a família esteja registrada no Cadastro Único (CadÚnico), que é a plataforma utilizada pelo governo federal para acesso aos benefícios sociais.

O processo de cadastramento no Bolsa Família em 2024 é através do CadÚnico. As famílias podem realizar um pré-cadastro online pelo site ou aplicativo do CadÚnico, agilizando o processo inicial. No entanto, é necessário que o Responsável Familiar (RF) compareça pessoalmente a um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) dentro de até 240 dias para concluir o registro.

Será através de uma entrevista socioeconômica durante o processo que irão avaliar a situação familiar em diversos aspectos, como composição familiar, condições de saúde, educação e renda. Ter os dados atualizados no CadÚnico mesmo após a aprovação inicial do benefício, garantindo assim a continuidade dos pagamentos do Bolsa Família é essencial.

Edson

Trabalho com escrita há 6 anos e adoro encarar novos desafios

Compartilhe seu amor
Edson
Edson

Trabalho com escrita há 6 anos e adoro encarar novos desafios

RECEBA CONTEÚDOS NO SEU WHATS APP:

QUERO RECEBER >>>